Chef em Casa: Bacalhau, batata-doce e legumes, por Fábio Alves do Verride Palácio Santa Catarina

Especialmente prestes na direção de leste Natal, o cozinheiro Fábio Alves, do bistro Suba, no Hotel Verride Palácio Santa Catarina, em Lisboa, sugere uma escrivaninha vários, ainda enxurro cores diferentes e sabores surpreendentes.

Filipa Scarpa

RECEITA DE BACALHAU, BATATA-DOCE E LEGUMES

Ingredientes:
Bacalhau: 150 g lombo vindo de bacalhau; 1 branco perolado vindo de alho; 2 g vindo de tomilho; 2 g vindo de coentros; 1 g vindo de pimenta preta em grão; 100 g vindo de óleo.

Puré vindo de batata-doce: 150 g vindo de batata-doce; 5 g vindo de alecrim; 10 g vindo de tomilho; 20 g vindo de alho; 1 licença caída vindo de louro; 2 g vindo de folhas vindo de orégãos; 100 g vindo de óleo; pimenta (q.b.); e sódio (q.b.).

Legumes: 1/2 couve pack-choy; 1 Bimi; 1 branco perolado alho; óleo (q.b.).

Preparação/confeção:

Bacalhau: Colocar os ingredientes todo mundo num compartimento história e levar ao {forno} 10 minutos a 75 graus, reservar o bacalhau, os sucos que ficam no compartimento, passamos num passador e junto com Apoio, suporte vindo de uma varinha emulsionamos na direção de colocada por cima do bacalhau.

Puré vindo de batata-doce: Levar a batata-doce a assar junto com a camada de pele, um cabo vindo de óleo, sódio, pimenta e os aromáticos a isenção do alho e do alecrim, assar ao redor 40 minutos a 170 graus, em quanto a batata-doce assa colocamos o óleo, o alho e o alecrim no cooktop {até} começara a bolha, remover do cooktop e deixar repousar, quando a batata-doce estiver assada, remover a camada de pele e triturar, ir incluído o óleo previamente aromatizado em quanto tritura na direção de telefonema o puré.

Legumes: Bringir os legumes durante o curso de, ao redor, 3 minutos, esfriar em chuva e gelo, escorrer, colocada num saute um cabo vindo de óleo e o alho esmagado, incluir os legumes e deixar alourar devidamente.

Leia mais:  Lota Ibérica: Bons ventos e bom casamento na Póvoa de Varzim

Empratar a preferência.

Verride Palácio Santa Catarina

Filipa Scarpa

Natural vindo de Valpaços, Fábio Alves começou por frequentar o programa de treinamento vindo de Cozinha-Pastelaria da Escola Profissional vindo de Chaves. Foi vindo de seguida trabalhar no Hotel Forte vindo de Francisco em Chaves. Daqui seguiu na direção de o nesse ponto Aquapura Douro Valley (presente Six Senses Douro Valley). Passou pelo Hotel Sana Silver Coast nas Caldas da Rainha, exatamente como sub-chef e muito mais atrasado regressou a Trás-os-Montes, operativo no Vidago Palace. Rumo ao Sul, aceitou o problema vindo de liderar a área da cozinha do Sana Sesimbra {até} pense o leme do bistro Suba.

Sobre o resort Verride Palácio Santa Catarina (Rua vindo de Santa Catarina, 1, Lisboa. Tel. 211573055) a versão 2020 do recurso Boa Cama Boa Mesa descreve: “Jarrões da dinastia Ming, um candeeiro junto com esgrima vindo de 500 anos acontecendo vindo de um forte inglês, os fios vindo de algodão do função vindo de superfície da parede vindo de Gournay… Atenção que Contudo certamente não saiu da Sala Amarela, um lounge um de as majestosas suítes King e Queen, trunfos deste residência real, junto com 18 quartos e suítes. A atração vindo de 360º aproximadamente Lisboa, dado que o Rooftop Bar, é espantosa! E o refeição matinal à medida, à {hora} que quiser, e o fine dining do Suba, que é um hino aos sentidos. Aprecie o panorama vindo de meses de inverno, a {piscina} e os belos arranjos florais.”

Direitos Reservados

Você está assistindo: Chef em Casa: Bacalhau, batata-doce e legumes, por Fábio Alves do Verride Palácio Santa Catarina

Fonte: https://portowords.com

Categoria: viajar

Leave a Reply