Em família: aventuras no Parque Biológico da Lousã

Respire fundo. Cá a vocábulo de ordem é relaxar. A tranquilidade é somente interrompida pelo exalo dos mais pequenos. Em plena Serra da Lousã a viagem por nascente parque percorre os caminhos traçados mas também a cultura e tradições da região.

Leste é um lugar para estar em sociedade com a natureza mas também com a história, já que há diversos elementos a lembrar uma vez que se fazia “antigamente”, de que são exemplo o moinho a vento, o moinho de chuva e o lagar de prensa de vara.

Uma das particularidades do Parque Biológico da Lousã é o seu desvelo em fabricar um vasto conjunto de animais representativos da fauna portuguesa, para assim a poder dar a saber. O veado, o corço, o lince, o urso, o muflão e diversas aves de rapina, estão entre as espécies protegidas.

Entre a imensidão de virente destaca-se ainda o labirinto de árvores de fruto, único no mundo, e também o roseiral, o núcleo hípico, o Museu Vivo de Artes e Ofícios Tradicionais, com a sua loja de artesanato, e ainda o Museu da Tanoaria.

O Parque Biológico da Serra da Lousã está cândido entre maio e setembro das 9h00 às19h00; de junho a agosto entre as 9h00 e as 20h00 e de outubro a abril das 9h00 às 18h00. Os bilhetes custam €6 por adulto e €4 por muchacho, entre os 3 e os 15 anos. Há ainda bilhetes-família: €14 para dois adultos e uma muchacho, €17 se forem duas crianças e €20 para uma família de 5, com três crianças. Quinta da Paiva, Miranda do Corvo. Tel. 239538444 / 239538444

Fortaleza da Lousã
Porque um fortaleza é sempre atrativo, desperte a imaginação dos mais pequenos numa visitante a esta fundação que dista somente murado de 2 km da Lousã. Acredita-se que o fortaleza medieval, divulgado uma vez que da Lousã ou de Arouce, remonte a 1080. Diz uma antiga mito que o fortaleza terá sido construído por um dirigente islâmico para proteger a sua filha e esconder os seus muitos tesouros.

Leia mais:  Restaurante Divinus: cozinha com imaginação e arte

No coração de Miranda do Corvo
Vale a percorrer as ruas empredradas da vila. Além do casario virado ao sol, no núcleo histórico é provável visitar a igreja Matriz, a Torre e o Cristo-Rei, onde outrora existiu um fortaleza. Pelo concelho encontram-se ainda diversos vestígios da ocupação desta região em várias épocas, nomeadamente arte rupestre no ponto exato em que a Ribeira do Tapado se encontra com o rio Ceira. Outro passeio a não perder é pela Localidade do Xisto de Gondramaz, moldada por esta pedra tradicional dos pés à cabeça.

Em duas rodas
Em Vila Novidade, nascente núcleo aproveita o incrível enquadramento procedente para se destinar a concordar quem decide galgar os 14 percursos cicláveis – mais de 200 km – assinalados neste território virente. Enduro, downhill e XC, são as vertentes do btt que pode praticar nestes trilhos.

Onde dormir
Hotel Parque Serra da Lousã

A pensar nas famílias, o Hotel Parque Serra da Lousã, integrado no Parque Biológico, em plena natureza, oferece quartos espaçosos e comunicantes e suítes. As zonas comuns e os 40 quartos têm uma vez que tema os Deuses da mitologia greco-romana, aludindo ao Templo Ecuménico em construção junto ao PBSL. Piscina interno, Spa, campo de ténis e squash, giro de manutenção e piscina exterior são outros atrativos. Vale também a pena uma repasto no restaurante do hotel, o Museu da Chanfana. Preços a partir de €60. Quinta da Paiva, Miranda do Corvo. Tel. 239095054

Montain Whisper
Cinco casinhas em pedra, perfeitamente enquadradas na paisagem, convidam a uma estadia tranquila em plena natureza. Nos dias mais quentes aproveite a aprazível piscina deste Montain Whisper. Preços a partir de €80. Localidade do Xisto do Gondramaz Tel. 239532055

Leia mais:  Em cenários verdejantes, sete locais para mergulhar nas águas límpidas de Vieira do Minho

Museu do Óleo
Estes antigos moinhos de chuva e lagar de óleo são agora cinco alojamentos que farão certamente as delícias de miúdos e graúdos. A propriedade inclui um museu que desvenda de onde vem e uma vez que se produz o óleo. Preços a partir de €65. Retorta, Miranda do Corvo Tel. 911514587

Onde Manducar
Museu da Chanfana

Neste restaurante presta-se homenagem à gastronomia regional, particularmente a um dos seus pratos mais típicos. Também no Museu da Chanfana encontra outras tradições gastronómicas uma vez que os negalhos, a típica sopa do tálamo e a nabada, sendo nascente o único sítio onde é provável saborear nascente gulosice conventual. Preço médio: €20. Parque Biológico da Serra da Lousã, Quinta da Paiva, Montoiro, Miranda do Corvo. Tel. 239538445

O Burgo
Situado num sítio paradisíaco, a caminho da Ermida de Nossa Senhora da Piedade, junto a umas piscinas naturais, nascente restaurante muito tradicional merece uma paragem. A cozinha d’O Burgo apela a memórias de outros tempos, que nos sabores, quer na magnanimidade das doses. Cozido do Talasnal servido na broa, Sarriscos da matança e Cabrito no alguidar são especialidades. Preço médio: €20. N.ª Sra. da Piedade, Lousã. Tel. 239991162

Acompanhe o Boa Leito Boa Mesa no Facebook e no Instagram!


Você está assistindo: Em família: aventuras no Parque Biológico da Lousã

Manadeira:https://portowords.com
Categoria: viajar

Leave a Reply