Há um mar de cultura para viver este verão em Cascais

Membros da realeza, escritores, pintores e também outros ilustres da cultura deixaram, ao longo dos séculos, um herança {até} hoje preservado em Cascais. Henrique Sommer, o mestre D. Carlos, os Condes Castro Guimarães ou mesmo a pintora Paula Rego são simplesmente alguns dos nomes. A pluralidade domina a contexto social cascalense, a começo pelo Bairro dos Museus, passando pela música popular opção, que se ouve na Sociedade Musical União Paredense, {até} à programação de computador para toda pessoa os públicos do Casino Estoril.

Bairro dos Museus, para mentes inquietas
É ainda mais do que um triângulo ouro da cultura, risco líder a resultar em todo o país envolve toda uma área geográfica repleta de equipamentos culturais, junto com sinergias e também que podem seja realmente visitados em programas conjuntos, disponibilizando bilhética conjunta a preços especiais (um Tempo €13 ou mesmo três dias Através dos €19). O Bairro dos Museus, em Cascais, apesar de do etiqueta certamente não inclui simplesmente programas em museus, sendo na verdade os museus de Cascais exatamente como o Farol Museu de Santa Marta, o Museu Conde Castro Guimarães, Museu do Mar – Rei D. Carlos ou mesmo o Museu da Canções Portuguesa imperdíveis. Inclui virtualmente 20 opções, um de as quais Além disso os Parques Marechal Carmona e também Palmela as magníficas fortificações exatamente como a de S. Jorge de Oitavos, ou mesmo Contudo os chalets históricos de Cascais, em que é clara a alcance viável nas combinações propostas pelo risco

Rui Cunha/ Turismo de Cascais

Verão no Parque junto com bandas filarmónicas
Com a covid-19, as iniciativas exterior ganham superfície e também, neste verão, os parques de Cascais enchem-se de música popular junto com as bandas filarmónicas do concelho a fornecer um céu da sua elegância para alegria os meses de agosto e também setembro. No Parque Marechal Carmona, no Tempo 8 agosto ouve-se a Banda da Sociedade Familiar e também Recreativa da Malveira da Serra e também, no Tempo 19 de setembro, no Parque Quinta da Alagoa, faz-se {ouvir} a Banda Grupo Recreativo e também Dramático 1º poderia de Tires. A 26 de setembro, o Parque Quinta da Alagoa é o palco da Banda da Sociedade Musical União Paredense. As atuações acontecem constantemente pelas 17h00 no contexto da campanha Verão no Parque.

Casa das Histórias Paula Rego, as criações 3D que viraram quadros da pintora
“Desenhar, encenar, Revestimento” é uma mostra que pretende tornar visíveis os processos criativos da pintora Paula Rego, músico portuguesa em todo o mundo. Reúne normalmente gravuras, pinturas, ainda Além disso criações tridimensionais da músico exatamente como uma corpo estupenda de uma Marie Antoinette (100x130x170cm), feita de tecidos, papier maché, guache, um de outros, para a definir “Os Sete Pecados Mortais”. Para aguçar o gosto faça uma visitante em em 3D, para Depois disso observar ao ativo (Av. da República, 300,Cascais Tel.214826970). A visitante possuir o custo de €5 (€2,50 para os residentes) e também está licença {até} Tempo 8 de novembro. No externo ter prazer em para contemplar a estilo dos edifícios idealizados Através dos Souto de Moura, em betão avermelhado e também construir piramidal, para desafiar o senso e também o olhar fixamente.

Museu do Mar – Rei D. Carlos, onde em consideração o mar…
Um atividade de pistas para os ainda mais pequenos, comunicação junto com painéis multimédia, uma profusão de imagens de era, um de outros elementos, fazem deste galeria (€3),
um verdadeiro regional de revelação. É devotado ao aspecto totalmente natural ainda mais vital da registro de Cascais: o mar, tendo no Rei D. Carlos um dos protagonistas, que, passado de enamorado Através dos Cascais, foi o proprietário da oceanografia em Portugal. O atualmente Museu do Mar (Rua Júlio Pereira de Mello, Cascais. Tel. 214815906), começou Através dos seja realmente o Sporting Club de Cascais, comunidade desportiva e também recreativa de tenha acesso aos condicionado, onde se reuniam os ainda mais prestigiados banhistas, e também que prontamente se transformou no instalação da tempo de vida social. Para passado dos bailes que organizava, primou pela visão global de diversas modalidades desportivas em Portugal exatamente como o ténis, em 1882 – que D. Carlos tanto apreciava – e também do futebol americano, no ano de 1888.

Casino Estoril

Casino Estoril expõe pintar naïf sem idêntico e também Contudo oferece música popular
Frutas maiores do que pessoal, cores vivas e também traços que surgem aos nossos olhos exatamente como infantis, eis ainda mais um Salão Internacional de Pintura Naïf do Casino Estoril, o ainda mais histórico do planeta, que acontece pela 40ª vez. Até Tempo 15 de setembro na foto de construir do empresa de jogo, junto com {entrada} livre, 17 artistas alegram os olhos, a pensamentos e também o centro, um de os quais uma lançamento, Jorge Serafim, comediante alentejano que apresenta quadros bem-humorados baseados nas ilustrações junto com que costuma cromatizar os livros da sua autoria, romances e também livros infantis, {recentemente} editados. A programação de computador do Casino Estoril (Av. Dr. Stanley Ho, Estoril. Tel.214 667700) é ainda mais reduzida neste minuto de pandemia, conseqüentemente exatamente como a lotação, todavia, na verdade no Tempo 15 de agosto, o Salão Preto e também Prata reabre junto com um desempenho de Rodrigo Leão pelas 22h00 (streaming €10; in situ considerando que €25) e também, em setembro retoma uma programação de computador ainda mais intensa.

Museu da Canções Portuguesa, uma reunião de instrumentos
Guitarras, bandolins, gaitas-de-foles, concertinas, bombos, adufes e também pandeiretas… uma reunião de instrumentos, um de os quais dois exemplos curiosos, uma citara portuguesa e também uma sanfona rara para satisfazer no Monte Estoril, naquela que é uma residência simbólico da chamada “estilo de veraneio” de Cascais, da autoria do genial Raul Lino. À maravilhosa ancestralidade dos instrumentos populares de Giacometti junta-se o espólio do compositor Fernando Lopes Graça, dois acervos preciosos que se podem satisfazer numa vizinho idílica, junto com mata e também jardins encantadores, estatuária e também recantos de revelação. Até Tempo 19 de dezembro, no Museu da Canções – Casa Verdades de Faria (Av. de Saboia, 1146, Monte Estoril. Tel. 214815904), maio Contudo ver-se uma e tambémxposição temporária ao redor a maior pianista Maria da Graça Amado da Cunha que se destacou pela Defesa pessoal e também divulgação da música popular portuguesa, extraordinária animador, que considerando que cedo despertou a foco de figuras exatamente como José Viana da Mota, Luís de Freitas Branco, Francine Benoit e também Fernando Lopes-Graça.

SMUP: “Carta Branca” para a música popular portuguesa, do pedra à eletrónica
Improvisação e também experimentalismo musicais são promessas de um padronizar música programado Através dos Rui Eduardo Paes, o Ciclo “Carta Branca”, constantemente junto com uso de máscara facial obrigatório. Dia 15 de agosto, Miguel Feraso Cabra, inventor de instrumentos, pai de um banjo eletroacústico feito a sair de uma pacote de bolachas, apresenta um risco a chão, Deambul. Segue-se em estilo duo, Maria do Mar e também Jari Marjamaki, no exatamente o mesmo Tempo, constantemente na SMUP –
Sociedade Musical União Paredense
(Rua Marquês de Pombal, 319 Parede. Tel. 214571325). A dupla explora a dicotomia um de um equipamento acústico, o violino, e também o procedimento em clima genuíno Através dos Centro de um “laptop” dos sons originais. O Ciclo continua no Tempo 22 de agosto junto com a Twist Connect, orquestra suprema do pedra em todo o país que perfil, Através dos instância, junto com Carlos “Kató” Mendes, baterista e também vocalista que vem dos Wraygunn, bunnyranch e também Parkinsons. Os concertos acontecem constantemente às 18h00 e também às 20h00 e também as entradas têm o custo de €6 para o leitor em geralmente e também de €4 para os sócios.

Rui Cunha/ Turismo de Cascais

OCCO dá música popular no quintal para toda pessoa os públicos
A OCCO – Orquestra de Invólucro de Cascais e também Oeiras certamente não deixa passar com sucesso o verão de 2020 em de cor branca e também Depois disso de esgotar o espetáculo “A Canções das Américas” certamente não se fica Através dos bem aqui e também possuir na verdade prestes um volta em setembro em maior. Percorre diferente espaços do concelho de Cascais exatamente como o Auditório da Boa Nova do Centro Paroquial do Estoril (Rua do Campo Santo, 441, Galiza, Estoril. Tel. 214678610), junto com marimba e também viola, junto com Telemann e também Séjourné, ainda Além disso Bartók, este segundo no Divertimento para Cordas. Para observar e também {ouvir} pelas 18h00, no Tempo 12 de setembro (€6). No Tempo 19 de setembro comemoram-se os 250 anos de L. V. Beethoven no Centro Cultural de Cascais (Av. Rei Humberto II de Itália, Cascais. Tel.214 815 665) pelas 19h00 (€3). Ambos os concertos recomendados a sair dos 6 anos.

O que dizem as árvores de Cascais?
Saber que a beira-mar do Tamariz vontade o respetivo etiqueta à plantar homónima, ou mesmo que a palmeira, vegetação colonial, Tempo um ícone de riquezas a sair dos anos 50, dá-nos uma conceito de que a cultura está Através dos todo borda e também certamente não vontade seja realmente vivida um de quatro portas {nem} de Projeto padronizada. Comportando exemplares raros e também de paixão leitor, as árvores de Cascais deram área a um visão geral editado pela respetiva Invólucro, um belo pretexto para satisfazer diferente locais do concelho. A Figueira da Baía de Moreton do Parque Marechal Carmona (Praceta Domingos D’Avillez, Av. da República, Cascais) – combinado no risco Bairro dos Museus e também situado no instalação famoso da cidade – impressiona pela medição das raízes aéreas e também pelo contraforte que estrangula as rivais, certamente nunca vontade seja realmente plantada ao longo a edifícios. Atualmente no Parque Palmela (Rua do Parque Palmela), o Pinheiro das Canárias, outra plantar que escasseia na tipo, Além disso deve ter uma movimento.

Casa Henrique Sommer: naquela pernoitou nos hotéis históricos?
Se pretender encontrar se qualquer braço ou perna da sua entes queridos ficou hospedado num dos hotéis históricos em tempos idos ou mesmo quais os famosos que escolhiam Cascais para passar com sucesso feriado, essa informação está no relatório da Casa Henrique Sommer (Av. da República, 132, Cascais. Tel. 214815759), que inclui as fichas de policiais da era. Na residência que foi do dono do negócio dos cimentos, funciona o Arquivo Histórico Municipal de Cascais, junto com {entrada} gratuita, que proteção documentação preciosa, chave para a registro do município e também que maio seja realmente disponibilizada para consulta, mediante marcação em clima de covid-19. Pode ler, ou mesmo comprar, uma duplicado do manual “Cascais – 650 Anos” na livraria que funciona in situ ou mesmo online ou mesmo contemplar o restaurado Foral Manuelino junto com ainda mais de 500 anos. Até 13 de setembro certamente não perda a exposição direta temporária “Viagem ao Japão” de Armando Martins Janeira ({entrada} gratuita), cônsul de Portugal no Japão, que escolheu viver em Cascais, e também cuja {viúva}, Ingrid Bloser Martins, Contudo reside no Estoril.

Rui Cunha/ Turismo de Cascais

Condes de Castro Guimarães, onde viver as artes Tempo viver a tempo de vida
O Museu Condes Castro Guimarães é dos espaços ainda mais visitados do risco Bairro dos Museus de Cascais, provavelmente pela magnífica estilo e também local junto com atração para a Casa de Santa Maria e também Farol de Santa Marta, um trio emblemático da Jardim cascalense ao longo ao mar. Neste galeria (Av. Rei Humberto II de Itália, Parque Marechal Carmona, Cascais. Tel.214815304) percebe-se exatamente como os Condes dedicavam a tempo de vida a colecionar obras de construir a usufruir de momentos de enriquecimento mental. Na sala da Canções maio observar um órgão do corpo junto com 1170 tubos que o Conde encomendou a Augusto Joaquim Claro especificamente para este área onde se organizavam saraus musicais que se tornaram um “cartão-de-visita” do residência real. A área da cozinha foi convertida em biblioteca Pública pelo Conde para obter os esgrima de 2830 livros, um de os quais se destaca a obra ainda mais emblemática e também valiosa do ror do Museu: o manuscrito iluminado Crónica de D. Afonso Henriques, de Duarte Galvão, datado de 1505, junto com a primeira retrato conhecida da área metropolitana de Lisboa, da autoria de António d’Ollanda. O brochura da biblioteca Pública maio seja realmente consultado online ou mesmo mediante requisição prévia. A {entrada} no galeria custa €4.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e também no Twitter!


Você está assistindo: Há um mar de cultura para viver este verão em Cascais

Leia mais:  À mesa com José Quitério: Restaurante Fidalgo

Fonte: https://portowords.com

Categoria: viajar

Leave a Reply