qual fazer e como fazer

Muitos homens não se importam com seus pelos, outros, entretanto, detestam. Tem rostro que acha que excesso de pelo é sinônimo de masculinidade e outros que por terem totalidade crédito da sua não se importam em se depilar.

+ Veja as coisas que você precisa saber sobre depilação à laser

A verdade é que, em pleno ano de 2017, muitos homens estão optando pela depilação para aprazer eles mesmos, e não para aprazer as mulheres que não curtem um rostro peludo.

Uma aparada, por exemplos, nos pelos pubianos é sempre muito vinda, não importa se você é do tipo que cultiva os pelos ou prefere arrancá-los.

Mas, se você está considerando ir além e debutar a depilar essa dimensão tão sensível do corpo, veja quais são os principais métodos e vantagens e desvantagens de cada um:

Lâmina e máquina

Depilação íntima masculina: qual fazer e como fazer

O mais prático, rápido e utilizado pelos homens que querem se livrar dos pelos. Depilar com lâmina é um processo que pode ser feito no banho mesmo, assim como a barba, e também exige um gel de depilação para não irritar a pele e prevenir o surgimento de pelos encravados .

O gel, aliás, precisa ser aplicado na pele úmida e a lâmina deve ser utilizada no sentido do propagação dos pelos. Depois, tire o excesso do gel com chuva e tome desvelo para não deixar zero de resultado sobre e pele – isso pode obturar os poros e facilitar o surgimento de espinhas.

A máquina para depilar funciona da mesma maneira que a lâmina – ela não tira os pelos pelas raiz, mas corta todos e, se você quiser, também pode apará-los se não quiser se livrar deles por completo.

Assim como a lâmina, você deve usar um gel para proteger a pele e facilitar o processo.

Mas vale lembrar: use a máquina exclusivamente para aparar a secção da virilha e nunca, não, em hipótese alguma arrisque passar o aparelho de barbear no saco escrotal. É verosímil aparar os pelos dessa região dessa forma mas é muito, muito difícil e muito, muito fácil se machucar. Portanto, é melhor não malparar. Vamos explicar isso mais para frente!

Leia mais:  9 Perfumes Masculinos Importados mais vendidos (Top Bons e Baratos)

Como depilar

Depilação íntima masculina: qual fazer e como fazer

Como você vai estar lidando com uma dimensão extremamente sensível do corpo, tome o duplo de desvelo para não trinchar a pele. O banho quente vai te ajudar a transfixar os poros e facilitar o processo, mas também pode fazer a lâmina escorregar do jeito inverídico e te machucar, por isso, segure ela com firmeza.

O barbeador elétrico só deve ser utilizado para aparar os pelos e ele deve estar configurado na regulagem mínima e com o pente. Usar a máquina diretamente na pele pode machucar se você não souber como manipular. Aliás, na região do saco escrotal é melhor nem malparar passar a máquina. Essa dimensão é muito sensível e mesmo se você quiser exclusivamente aparar os pelos, não arrisque com o barbeador elétrico.

Se quiser depilar tudo, é melhor escolher a lâmina. Na hora de raspar, garanta que a pele está completamente esticada e apare os pelos maiores primeiro.

Encontre a posição mais confortável e garanta privacidade, por fim, o processo pode levar tempo: uma boa dica é permanecer sentado com os joelhos dobrados.

Depois do banho e da limpeza da pele, passe o gel de barbear. Outra dica importante, aliás, é manter o pênis ereto durante a depilação para facilitar o processo. Como falamos lá em cima, a pele deve estar esticada para você não machucar o pênis e, por isso, é muito mais fácil de fazer com o pênis duro.

Para debutar, raspe os pelos no sentido do propagação deles – é sempre bom substanciar – na secção da virilha e nas laterais. No saco escrotal, faça o procedimento do meio para os lados e, no pênis, siga o propagação de insignificante para cima.

Depois, lave muito a região com um sabonete suave.

Leia mais:  10 cortes de cabelo masculino para você se inspirar

Dicas importantes

Não depile a região íntima antes de fazer alguma atividade física porque o suor vai irritar a dimensão e motivar bastante desconforto e possíveis infecções.

Depois da depilação, preste atenção para ver se os pelos encravados não vão brotar. Se eles aparecerem, tome desvelo para não infeccionarem e use pomadas com sulfato de neomicina + bacitracina para desapoquentar o problema.

Depilação com cera

Depilação íntima masculina: qual fazer e como fazer

Se você procura um efeito mais infindável e quer uma pele mais lisa, não tem jeito: a solução é a cera quente ou fria – a quente costuma doer menos, já avisamos.

Como a cera arranca os pelos diretamente da raiz, eles demoram muito mais para voltar a crescer e, por isso, a pele fica menos áspera do que quando você raspa com lâmina.

A cera quente costuma doer menos porque ela dilata os poros e facilita a depilação mas, se você escolher esse método, tenha certeza absoluta que ele vai ser realizado por um profissional. É muito fácil queimar a pele com a cera quente se ela não for manipulada por alguém que tem experiência e sabe o que está fazendo.

Ou por outra, tem muito salão por aí que não toma os devidos cuidados de higiene e acaba espalhando infecções por razão da cera reutilizada e de produtos não esterilizados. Portanto, pesquise muito antes de agendar um horário!

Nossa recomendação é que você não tente o procedimento em mansão. Como a região íntima é muito sensível, fazer a depilação por conta própria pode ser desastroso e muito dolorido. Se você não quer malparar uma queimadura ou rematar colando toda a pele com a cera por instabilidade de puxá-la, é melhor procurar um profissional.

Depilação à laser

Depilação íntima masculina: qual fazer e como fazer

Muitos homens estão aderindo a depilação à laser porque ela é o método mais infindável de todos – apesar de ser chata de fazer e não funcionar para todo mundo.

Leia mais:  Estou um ano na seca, o que eu faço? – MHM Responde

Como o sucesso desse método vai depender da cor do pelo e da cor da pele de cada pessoa, é verosímil que ela não funcione em você. Por isso, procure um profissional com muita experiência para manifestar se você pode ou não passar pelo procedimento.

Quem tem a pele mais rostro e pelos escuros costuma ter um resultado melhor porque os pelos absorvem maior quantidade de luz em relação à pele.

A depilação à laser pode doer, principalmente se ela for feita em regiões com a pele mais escura, como a virilha. Mas cada sessão é muito rápida e, por isso, muita gente acha que vale a pena.

Se você percebe que a sua pele se irrita com facilidade, esse método pode ser uma magnífico selecção. A pele pode permanecer um pouco vermelha depois da sessão, mas logo essa irritação vai embora.

O tratamento com laser é feito sob o púbis e nas partes laterais da virilha, também é verosímil depilar a região escrotal e a perianal.

Para o tratamento dessas regiões, é recomendado o pausa mínimo de 30 a 45 dias entre cada sessão. A sessão só pode ser realizada com pelos aparentes, portanto, o ideal é que se use lâmina ou creme epilatório na dimensão tratada 3 dias antes de cada sessão.

Vale lembrar que muitas vezes os pelos não caem logo depois do procedimento e é preciso esperar uns dias para que o laser faça efeito. Portanto, é muito importante evitar exposição ao sol.

Entre todos os métodos, esse é obviamente o mais custoso. Mas, se você costuma fazer depilação com cera, talvez o valor da depilação à laser compense, por fim, algumas sessões podem te livrar dos pelos por meses e obviamente te fazer poupar uma grana no porvir.


Você está assistindo: qual fazer e como fazer

Manancial:https://portowords.com
Categoria: Noticias gerais

Leave a Reply