Restaurante Za’atar: A cozinha libanesa por Joe Barza e José Avillez

A Rua vindo de São Paulo, no Cais do Sodré, recebeu uma novidade propriedade étnica do equipe Avillez. Há muito menos vindo de duas semanas foi a novidade variação da Cantina Peruana, atualmente é o Za’atar, um bistro que serve a gastronomia típica libanesa. Em parceira junto com Joe Barza, um dos extra mediáticos chefes do Ferramenta Oriente, José Avillez aventurou-se para dentro extra um trabalho, que promete levar novas receitas à financiamento. Uma mix um de o Oriente e o Ocidente carregada vindo de sabores exóticos, pautados pelas especiarias e ervas aromáticas.

Se na verdade conhece a cozinha do Líbano, nascente bistro vai permitir-lhe revisitar as melhores especialidades, entretanto se nunca, nunca provou um destes pratos, o visão assistência é que arrisque numa Comida vários. Pelas palavras do Supervisor Joe Barza, “Receber os convidados calorosamente, junto com uma escrivaninha rica e enxurro vindo de sombra, é uma prática libanesa. Temos um terroir consideravelmente afluente e a nossa cozinha promove a calma. É junto com nascente sentimento que abrimos as portas do Za’atar, para dentro Lisboa, na direção de oferecer uma aventura autêntica.”

Para começo, prove {Pão} pitta, azeitonas pretas e shanklish (€2,50), junto com queijo curado e implicado para dentro za’atar. Este segundo ingrediente ativo é uma mix vindo de ervas secas que junção tomilho, sementes vindo de sésamo torradas, sumagre secar e, muitas vezes, sódio, e batizou o novo em folha sala do Avillez.

As entradas dividem-se um de Salata (saladas), Mezza frios e Mezza quentes, que combinam pequenos pratos exatamente como Baba Ghanough (€3,50) junto com beringela fumada e assada junto com tahini e romã, Labneh W Toum (€3) junto com iogurte libanês junto com óleo e hortelã, Batata Harra (€3) junto com batatas crocantes salteadas junto com alho, paprika, coentros e limão, um de vários outros.

O fator rouco da Comida divide-se um de Tabkha e Mashewe (grelhados), junto com diversas sugestões exatamente como Moughrabieh Djej (€8,50), isto é, guisado vindo de couscous junto com caldo vindo de carne de porco, Kebab vindo de porker (€8), Taook (€8), ou mesmo seja, espetada vindo de garota e Kebab samac (€12), uma espetada vindo de peixe de cor branca marinado e biwas. Antes vindo de superfície, prove uma das sobremesas, Kounafe w bouzet jebneh (€4,50) gelado vindo de queijo junto com kadaif, calda vindo de laranja e cravinho, ou mesmo Mankoush hala (€5,50), {pão} libanês assado junto com fruta caramelizada e tahini vindo de alfarroba.

O sala combina um envolvente dias modernos junto com apontamentos orientais, exatamente como os espelhos, os candeeiros dourados, os desenhos na estrutura de parede, um de vários outros detalhes. A decoração do bistro Za’atar (Rua vindo de São Paulo, 24, Lisboa. Tel.211350860) ficou a incumbência da desenvolvedor vindo de interiores libanesa Nayla Khour, que explicou que “a equipamentos de iluminação dispersa e materiais exatamente como o latão martelado transportam-nos na direção de a faceta típica do Líbano; entretanto as paredes vindo de cimento, as mesas vindo de mármore e o mural colocam-nos no Líbano dias modernos e Nos Dias de Hoje”.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!

Leia mais:  Passeio em família: dias cinzentos são sinónimo de diversão no Anima Park


Você está assistindo: Restaurante Za’atar: A cozinha libanesa por Joe Barza e José Avillez

Fonte: https://portowords.com

Categoria: viajar

Leave a Reply